Julho, 2008 | www.abreti.org.br    
  Receita começa a usar processos
digitalizados em julho

Fonte: Jornal O Estado de S.Paulo - 18/06/2008
 
 
A Receita Federal vai iniciar dia 4 de julho a implantação do uso de processos totalmente digitais (sem utilização de papel) nos recursos apresentados pelos contribuintes contra autuações em cobrança de tributos lançadas pelos fiscais. A expectativa é de que até o final do ano o processo digital (e-processo) seja adotado nas 30 principais delegacias da Receita em todo o País, nas quais são apresentados 70% dos recursos.

Com a implantação do e-processo, a Receita espera reduzir de cinco para dois anos e meio o tempo médio de julgamento dos recursos dos contribuintes, desde a sua apresentação nas delegacias até a decisão final pelo Conselho de Contribuintes. Com representantes do Fisco e das entidades de classe, o Conselho funciona como um "tribunal" de instância administrativa (anterior à Justiça) de análise de recursos das empresas e das pessoas físicas contra as autuações.

A implantação do projeto-piloto do e-processo teve início em 2005, na Bahia, e os primeiros processos digitais começaram a chegar na semana passada ao Conselho de Contribuintes.

Segundo o secretário-adjunto da Receita Carlos Aberto Barreto, já foram feitos 1.800 processos digitais. Desse total, 27 chegaram ao Conselho de Contribuintes. A prioridade do Fisco é usar o
e-processo nos recursos novos. O estoque dos processos será, posteriormente, digitalizado aos poucos.

 
 
 
 
Rua Tenente Gomes Ribeiro, 212 - Conj. 41 - Vila Mariana - São Paulo - SP - CEP 04038-040
abreti@abreti.org.br - www.abreti.org.br - Tel./Fax: 11 5084.6439